Um associado da APMDFESP e outros seis policiais militares acusados de dormir durante o expediente tiveram a prisão preventiva revogada, na última sexta-feira (26), pelo Tribunal de Justiça Militar. Com a decisão, os PMs poderão responder ao processo em liberdade. Ler mais

Aline Pinho

Os policiais militares do COE (Comandos e Operações Especiais) e associados da APMDFESP, o subtenente Marcelo Nogueira e o tenente Fábio Vinícios de Sousa, foram absolvidos da acusação de homicídio culposo, quando não há intenção de matar, por suposta negligência na morte de um policial durante treinamento no mar. O caso aconteceu em Ubatuba, litoral de São Paulo, em novembro de 2018. Ler mais