Lidar com a morte não é algo fácil. Mas é importante a APMDFESP reforçar aos associados a seguinte informação: quando o Policial Militar da ativa, reserva ou reformado vem a falecer em função da atividade, o cônjuge, companheiro (a), pais ou filhos têm direito a receber um auxílio funeral no valor bruto, sem descontos, correspondente a um mês da respectiva remuneração ou até mesmo dois meses do salário quando a morte do policial ocorre em serviço.

O benefício assistencial, instituído pela Lei Complementar 1013/07, deve ser solicitado pelo Centro de Atenção Psicológica e Social da Polícia Militar (CAPS), localizado na Rua João Teodoro, 413, na Luz. Para isso, o dependente precisa apresentar os seguintes documentos:

O requerimento  também deverá ser preenchido:

A relação dos documentos para solicitar o auxílio também está disponível no Departamento de Assistência Social, na Sede, ou em cada representação.

A missão da APMDFESP é cuidar bem da Família Policial Militar e informar para que os associados tenham seus direitos garantidos.