A pequena Luíza Rodrigues, de 1 ano, recebeu da APMDFESP um parapodium, equipamento que vai auxiliá-la no tratamento. A criança, filha do associado CB PM Willians de Souza Guerreiro, sofre desde os 5 meses de Lisencefalia, uma má formação cerebral, que agravou para a Síndrome de West, um tipo de epilepsia que provoca atraso no desenvolvimento. Ler mais

A APMDFESP em Campinas continua em ritmo acelerado para atender as demandas dos associados. O SGT PM Francisco Paixão e a esposa Miriam Paixão gravaram um vídeo para agradecer todo o apoio recebido pela Associação, que tem como representante Claudemir Roque. Ler mais