Aline Pinho

Sabia que a falta de higiene bucal pode gerar sérios problemas, inclusive afetar a saúde do coração? A boca é uma região que acumula inúmeras bactérias e, portanto, a ausência de cuidados com os dentes contribui para que esses germes caiam na corrente sanguínea, gerando a endocardite bacteriana, como explica o dentista parceiro da APMDFESP, Miguel Feres.

“A saúde começa pela boca. Sendo assim, é preciso que o paciente mantenha uma rotina de higienização bucal para evitar a doença, que consiste na infecção das estruturas internas do coração causada pela contaminação bacteriana. As chances de desenvolver endocardite são maiores em pessoas que já têm alguma outra doença cardíaca”, orienta o cirurgião-dentista.

Foto: Divulgação

Ainda segundo o especialista, escovar os dentes diariamente reduz riscos de doenças cardiovasculares. “A endocardite é uma doença séria e, se o paciente tiver cuidado com a saúde da boca, evita que a inflamação comprometa a válvula de bombeamento que leva o sangue ao coração. O Dia Nacional da Saúde Bucal, celebrado em 25 de outubro, existe para que essa e tantas outras informações sejam divulgadas”, alerta.

O dentista dá dicas para manter a saúde bucal e prevenir esse e outros problemas. “É fundamental escovar os dentes de três a quatro vezes ao dia, após as refeições, utilizar o fio dental diariamente e visitar o dentista ao menos uma vez por ano. Em caso de alguma doença cardíaca pré-existente, procure um especialista”, aconselha.

A APMDFESP tem parceria com clínicas odontológicas, como a Feres Odontologia que oferece descontos especiais aos associados. Uma das grandes vantagens do consultório é a proximidade da Associação, uma vez que está localizado ao lado da Sede.