Atenção: mantenha sua mensalidade em dia. Clique aqui e saiba mais.

Elcio Inocente, presidente da APMDFESP: “Começamos 2014 com mudanças”

Presidente

Aqui estamos, mais uma vez, no início de outro ano. E, como vocês podem notar, começamos 2014 com mudanças. Primeiro, com um  novo site cheio de novidades e notícias atuais sobre a APMDFESP e a Família Policial Militar. Assim,  poderemos reforçar e estreitar nossa ligação com todos os amigos que contam com nossos serviços e nos honram em ser nossos associados.

 

É também nesse ano que a APMDFESP completa 21 anos. Chegamos, graças a Deus, à maioridade. Temos feito todo esforço possível nesses anos para atender às necessidades de nossos irmãos na Polícia Militar que precisaram de suporte para se reabilitar física e psicologicamente e por seu dependentes. Mas temos consciência de que ainda há muito mais por fazer.

 

E é com imenso prazer e orgulho que lhes asseguro que continuaremos a lutar para oferecer àqueles que nos procuram o melhor. A APMDFESP estará sempre disponível e de portas abertas, com profissionais competentes e comprometidos com o bem-estar de  nossos associados e suas famílias.

 

Que 2014 seja repleto de alegrias, vitórias e sucesso para todos nós!

 

Elcio Inocente

 

Presidente

 

 

 

Elcio Inocente, presidente da APMDFESP: “As necessidades da Família Policial Militar são nossa razão de existir”

Presidente

Prezados amigos,

Mais um ano chega ao final. No momento em que escrevo esse texto, olho para trás e vejo quantas lutas nós, da APMDFESP, travamos em benefício dos nossos associados e de seus dependentes. Lembro dos inúmeros colegas que nos procuraram em 2013 pelos mais diversos motivos.

Atendemos os heroicos combatentes feridos no combate diário nas ruas com necessidades de reabilitação física. Demos atenção àqueles que precisaram de assistência jurídica para as mais diversas questões. Muitos vieram se consultar com nossos psicólogos ou queriam algum equipamento que lhes facilitaria a vida num momento em que sua saúde se encontrava fragilizada.

Todos sempre tiveram – e terão – as portas dessa casa aberta. As necessidades da família Policial Militar são nossa razão de existir. Um dos lemas da APMDFESP e de todos as pessoas que trabalham na associação é: “Quem não vive para servir, não serve para viver”. E toda nossa equipe sempre se esmerou para dar o melhor a quem nos procura.

Esse também foi um ano muito difícil para a Polícia Militar. E, como sempre, também estivemos ao lado dos nossos companheiros que precisaram de apoio no dia a dia da profissão. Lutamos juntos, entre outras coisas, por salários mais dignos e, para tanto, participamos de passeatas e reuniões em São Paulo, Brasília e outros estados que lutam pela valorização dos nossos companheiros de farda.

Talvez os resultados não tenham sido o que queríamos, mas deixamos sempre muito claro que não nos amedrontamos e enfrentamos o que for preciso para melhorar a vida e as condições de trabalho desses dignos profissionais que zelam pelo bem-estar da população brasileira.

Seguiremos firmes e lutando pela valiosa Família Policial Militar em 2014!

Feliz Natal a todos e um Ano Novo repleto de alegrias!!!

                                                                               

Elcio Inocente

Presidente

 

 

 

Autores do livro Não Seja Mais Uma Vítima visitam APMDFESP

José Roberto Romeiro  Abrahão  e Ricardo Nakayama, autores do livro Não Seja Mais Uma Vítima – Aprenda Como Sobreviver à Violência que Domina as Nossas Ruas,  estiveram na APMDFESP, nesta terça-feira (10/12).  Os escritores conversaram com Elcio Inocente, presidente da entidade, sobre o livro e o público ao qual se destina. O lançamento da obra acontece na Livraria Cultura do Shopping Market Place, na sexta-feira (13/12),  às 19h.

” Nesse livro damos dicas sobre como as pessoas ficarem espertas e evitarem de se tornar vítima  de marginais que estão sempre à espreita de pessoas que parecem descuidadas.  Abordamos formas corretas de ação nesses casos e temos capítulos especiais para mulheres vítimas de violência doméstica, crianças que enfrentam o bullying, idosos e pessoas com deficiência. Mostramos uma série de técnicas de autodefesa com utilização de bengalas, por exemplo”, explicou José Roberto Romeiro Abrahão, advogado criminalista, jornalista e especialista  em técnicas voltadas à segurança, defesa e sobrevivência. Ricardo Nakayama é matemático, artista marcial e instrutor de defesa pessoal para vários órgãos governamentais.

José Roberto Romeiro Abrahão, Elcio Inocente e Ricardo Nakayama, durante visita à APMDFESP

José Roberto Romeiro Abrahão, Elcio Inocente e Ricardo Nakayama, durante visita à APMDFESP