((((( Perguntas Frequentes )))))

Encontre aqui as perguntas mais comuns e suas respectivas respostas!


ATENÇÃO ASSOCIADOS: UMA REDE DE VANTAGENS E DESCONTOS JÁ ESTÁ À SUA DISPOSIÇÃO!

A APMDFESP acaba de fechar uma parceria com um Clube de Descontos e Benefícios que oferece a todos os nossos associados descontos de 10 a 60% em inúmeros produtos e benefícios, sem que o quadro associativo tenha nenhum custo adicional na mensalidade para desfrutar dessas vantagens.

Basta acessar o portal e usufruir dos descontos e promoções das milhares de empresas dos setores de lazer, cultura, turismo, esportes, tecnologia, vestuário, eletrodomésticos, acessórios, serviços e muito mais. O portal é atualizado constantemente e os descontos e promoções vão trazer muitas surpresas para o associado e toda a família. Acesse já o portal! http://www.beneficiosevantagens.com.br/apmdfesp
Home Deputado estadual Gil Lancaster quer blindagem em viaturas das polícias Civil e Militar
« Home »
11 set, 2015 Comments: 1

Deputado estadual Gil Lancaster quer blindagem em viaturas das polícias Civil e Militar

Tags
Plurk
Share this
(Foto Edivaldo Santana) Deputado Estadual quer garantir proteção aos policials

(Foto Edivaldo Santana) Deputado Estadual quer garantir proteção aos policials

O Diário Oficial publicou em 1 de setembro projeto de lei do deputado estadual Gil Lancaster (DEM), que determina a instalação de vidro blindado no para-brisa dianteiro de viaturas de rondas ostensivas e policiamento tático das polícias Civil e Militar do Estado de São Paulo.

A medida valeria para os veículos adquiridos futuramente pelo Estado, por meio de licitação específica para este fim. Nas viaturas utilizadas atualmente pelas forças de segurança, a instalação da blindagem ficaria a cargo da SSP (Secretaria de Estado da Segurança Pública), que avaliará a viabilidade da adaptação.

De acordo com Gil Lancaster, o objetivo do projeto é garantir mais proteção ao policial que se expõe diariamente ao combater a criminalidade nas ruas, como o caso da soldado da PM Adriana da Silva Andrade, baleada recentemente ao cruzarem com bandidos que fugiam depois de explodirem um caixa eletrônico no Ceagesp (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo), na Zona Oeste da Capital.

“Ser policial não pode ser uma atividade voltada exclusivamente para a morte. O Estado tem a obrigação de zelar pela integridade física dos seus servidores e adotar providências que resultem em melhores condições de trabalho para os policiais”, afirma Lancaster.

Para o deputado, o investimento é válido porque ajuda a preservar a vida dos policiais durante o patrulhamento.

“A blindagem terá um custo para o Estado, mas isso é irrisório diante do benefício que ela vai proporcionar. Temos que cuidar do maior patrimônio das nossas polícias, que é a vida das pessoas que estão ali trabalhando para garantir a segurança da população”, argumenta Gil Lancaster.

Texto: Assessoria de Imprensa do Deputado Estadual Gil Lancaster

Leia também:

APMDFESP é aplaudida por 30 mil pessoas no desfile de 7 de setembro, no Anhembi

Presidente da APMDFESP recebe  homenagem  da OAB-SP, em comemoração ao Dia do Soldado

Aumento salarial: presidente da APMDFESP e outras entidades representativas da PM se reúnem com Comandandte-Geral para discutir assunto

Conheça todos os benefícios que a APMDFESP oferece aos associados

Conheça os benefícios do departamento jurídico da APMDFESP que  se estendem aos dependentes do associado

PM envolvido no caso da morte de travesti e defendido por advogados da APMDFESP ganha liberdade provisória

Associado agradece absolvição no Tribunal de Justiça Militar

“Essa associação me levantou quando eu estava caído”, diz associado

Policial militar que se tornou cadeirante afirma: “A APMDFESP é instituição que faz diferença para nós que nos tornamos deficientes físicos”

Processo de PM que atirou em camelô na Lapa é arquivado; policial foi defendido pelos advogados da APMDFESP

Balanço Geral, da Record, exibe matéria sobre bombeiro associado da APMDFESP que foi infectado por bactéria em resgate de corpos

SP no Ar, da Rede Record, exibe matéria sobre a APMDFESP

Advogados da APMDFESP ganham processo e Cabo PM acusado de duplo homicídio é inocentado; a pena seria de 40 anos caso fosse considerado culpado pelo júri

Jurídico ganha ação do GAP para associado: ” Valeu muito a pena ver reconhecido um direito que é nosso”

Saiba como entrar com ação individual para receber recomposição das perdas havidas com a conversão da URV

Assassinato do Cabo PM Spencer é noticiado em telejornais 

“O suporte da APMDFESP foi muito importante na minha vida”

“Se não fosse a associação, hoje estaria na cama e não aqui

“Vale a pena a gente ser sócio da APMDFESP”

Ciaf divulga tabela completa de vencimentos com base na Lei Complementar 1249/2014

 

 

 

Comments

( 1 )
  1. Wagner Renato dos Santos set 11th, 2015 15:34

    Parabéns pela iniciativa e projeto de lei estadual