DIRETORIA DA APMDFESP VISITA CEL TELHADA E APRESENTA PROJETOS PARA 2018


Em visita ao Deputado Estadual Cel Telhada, a Diretoria da APMDFESP falou sobre os projetos para 2018 que a entidade pretende desenvolver, nesta quarta-feira, 13 de dezembro. Ao ouvir as novidades apresentadas, o Deputado sentiu a necessidade de reiterar o pedido a todos os policiais militares para que se associem, a fim de ajudar a todos os companheiros de farda que foram compulsoriamente afastados de suas funções por terem sido feridos em serviço ou em razão do serviço.


Assista ao vídeo - clique aqui

Síndrome de Burnout: veja se você sofre com esse problema

Você tem a sensação de que faz de tudo no trabalho e não tem o reconhecimento esperado? Você se sente desprezado, diminuído e não tem mais motivação no seu emprego? Tudo isso tem causado uma angústia insuportável na sua vida? Pode ser que você sofra da Síndrome de Burnout e precise de ajuda profissional para superar o problema. Leia a seguir o artigo preparado pela nossa Psicóloga da Regional de Campinas da APMDFESP, Ivaneide Siqueira.

                                                                                                                                 Síndrome de Burnout

A Síndrome de Burnout é conhecida como um fenômeno biopsicossocial, que apresenta sintomas físicos, psíquicos e emocionais Seu inicio pode ocorrer a partir de um estresse profissional, por isso, é muito comum em profissões como: Médicos, Dentistas, Advogados, Psicólogos, Fisioterapeutas, Policiais, Bombeiros, Motoristas, Professores, Assistentes Sociais, Enfermeiros, entre outras profissões que lidem com pressão e responsabilidades constantes. Para a pessoa com a Síndrome tudo tem efeito negativo dentro do trabalho, se sente cada vez mais desprezado, diminuído, sem motivação, tem a sensação de não estar fazendo o seu melhor, não consegue se concentrar, isso pode gerar muita ansiedade, tristeza e angústia.  Quando não tratada com profissionais competentes, ou o tratamento não é seguido de maneira correta, o profissional pode até ter que ser afastado do trabalho, porque não irá conseguir lidar com algumas situações que antes conseguia. É muito importante buscar auxílio psicológico e psiquiátrico quando houver suspeita, assim o tratamento ajudará ao retorno ao trabalho com mais confiança e de maneira saudável.

Estamos á disposição toda Equipe de Psicólogos Clínicos da APMDFESP para atendê-los.

 

Psicóloga: Ivaneide Siqueira.

CRP: 06/119211

Campinas- SP